Vento

Senhor vento, vossa alteza,
Ideia estável, na penumbra,
Que corre e voa castelhano,
Não avançai, com mais certeza,

Senhor vento, com bagaço,
Inocente e confidente,
Enquanto leve e plano,
Pare, apenas num suave passo,

5 comentários:

Silvana disse...

ninguém repara mas o vento é uma coisa especial, tem a sua certa importância e sabe bem ao passar pela face :)

e mais uma vez obrigadissima pela selo.

Rita da Maçaroca disse...

Adoro o vento no tempo dele...
Apenas no tempo dele.
Dispenso vendavais fora do seu tempo...

:)

Gostei sim*

Beijinhos L'

Bruno disse...

até o vento de inspira!
não gosto muito, se for forte então é para esquecer e se tiver a chover é um pesadelo lol
beijinhos

Isa disse...

meu deus :) ADOOOREI ! que belo !

Rita da Maçaroca disse...

É mas é uma valente de uma maluqueira xD

ehehehe ;)

L'