22.33 pm

Fui eu, que passei frio naquela noite, só para te dar o calor do meu casaco, que te aqueceu pelo resto da noite! Ninguém mais o fez até ali, a não ser eu. A constipação que viesse dali, não importava, porque naquela noite fiquei com o coração mais quente que nunca.

4 comentários:

joanarocha disse...

que coisa linda *.*

mary disse...

adoro!:)

APF disse...

ao menos o teu coração estava quentinho :)

rachel disse...

Que lindo *.*